Funcionários do HCB se informam sobre proteção de dados

27/10/2020

Funcionários do Hospital da Criança de Brasília José Alencar (HCB) participaram, na segunda-feira (19/10/2020), de palestra sobre a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). O evento foi organizado pelo HCB e conduzido pelo presidente do Instituto Edumed para Educação em Medicina e Saúde, Renato Sabbatini, que abordou os impactos da LGPD no setor de saúde. O superintendente executivo do HCB, Renilson Rehem, ressaltou que “a questão da proteção dos dados é de grande relevância”.

Durante a palestra, Sabbatini explicou a importância de os hospitais se adaptarem à lei tanto para a segurança de dados do paciente, quanto para o bom funcionamento do Hospital. Ele destacou que, caso o contato entre paciente e profissional da saúde seja feito fora da consulta presencial, é preciso garantir que a plataforma utilizada proteja os dados compartilhados durante esse contato.

O palestrante apontou que, para se adaptar à LGPD, é preciso que os hospitais tenham uma política de segurança e conscientizem e treinem seus funcionários. “A lei não protege somente os dados eletrônicos. É preciso ter o descarte adequado de materiais com dados de pacientes. Tem que destruir a pulseira, os rótulos com os dados deles”, completou.

Sabbatini alertou que, caso haja uma violação dos dados do paciente, o profissional de saúde responsável pela infração responde juridicamente, assim como a instituição: “O profissional de saúde é o responsável direto, pessoal, pela observância dos princípios éticos e pelo respeito à lei”.

 

Texto e fotos: Maria Clara Oliveira
Edição: Carlos Wilson
Gerência de Comunicação: Ana Luiza Wenke