Sorvetes e bonecos

09/10/2019

O Hospital da Criança de Brasília José Alencar (HCB) deu início, na segunda-feira (07/10/19), à tradicional Semana da Criança, repleta de atividades culturais e brincadeiras.

A primeira atração da semana foi a companhia Mamulengo Tengo, que apresentou o espetáculo “Nas tripas da cobra encantada”. A história conquistou Marina de Souza (foto abaixo), cinco anos, que fez questão de ver, de perto, os bonecos de cada personagem. “A que eu mais gostei foi a Rosinha. No final da peça, o Benedito matou a cobra e salvou todo mundo”, contou a menina. Ela garantiu que o protagonista do espetáculo foi um herói: “A cobra era grande e perigosa!”.

Os personagens ganhavam vida a partir da interpretação de Thales Gomes, que participa do Mamulengo Tengo desde 2017. Segundo ele, “trazer o mamulengo para esse ambiente é afastar a mente da criança de momentos não tão agradáveis que acontecem dentro de um hospital”. Além disso, Gomes acredita que o contato das crianças com a cultura brasileira ajuda a mantê-la mais forte: “Eu lembro da primeira vez que eu vi mamulengo, em 89, no Piauí: quem sabe se, daqui, não sai um brincante, um mamulengueiro, uma mamulengueira?”.

À tarde, as crianças que vieram ao HCB para consultas e exames se divertiram com brinquedos infláveis e personagens infantis, trazidos ao Hospital pela Cia. Happy Dreams, e puderam se refrescar com sorvetes da Stonia Ice Creamland.

Laise Assunção, dona da franquia Asa Sul da Stonia, acredita que "sorvete é felicidade” e, por isso, decidiu participar do evento. “A ideia é compartilhar diversão. Muitas crianças querem se sentir felizes e não conseguem ir até a sorveteria, então viemos até elas: queremos alcança-las através do amor", explicou Assunção.

A ideia deu certo: Anna Beatriz Castro (foto acima), 11 anos, aprovou o sorvete de chocolate. “Também gosto do de flocos, mas porque também tem chocolate nele”, disse a menina.

Chocolate também foi o sabor escolhido por Ágatha de Oliveira (foto abaixo, à direita), quatro anos. Acompanhada da irmã Nicole de Oliveira (foto abaixo, à esquerda), dois anos, ela aproveitou para brincar com os personagens trazidos pela Happy Dreams. "Eu gostei de conversar com o Mickey e vi a Galinha Pintadinha”, contou Ágatha.

“As crianças gostam de interagir, elas soltam aquilo que está preso dentro delas, a timidez sai. Essa alegria contagia a gente, também. Faz bem fazer a diferença na vida das pessoas e ver o sorriso das crianças”, disse Jennifer Ferreira, representante do Happy Dreams Festas.

 

Texto e fotos: Maria Clara Oliveira
Edição: Carlos Wilson
Coordenação de Comunicação: Ana Luiza Wenke