Parlamentares visitam Hospital

02/09/2019

O Hospital da Criança de Brasília José Alencar (HCB) recebeu os deputados distritais Leandro Grass (Rede) e Eduardo Pedrosa (PTC) em agosto – além deles . O deputado distrital Eduardo Pedrosa (PTC), visitou o HCB na sexta-feira (09/08/19). Embora já conhecesse o Hospital, sua última visita havia sido antes da inauguração da Unidade de Internação. “Fiquei surpreso com o quanto o Hospital cresceu e se estruturou. Fui ao laboratório e vi coisas inovadoras, fiquei muito animado”, disse Pedrosa (foto acima).

Na quarta-feira (28/08/19), outros dois deputados estiveram no Hospital: o deputado distrital Leandro Grass (Rede) e o deputado estadual e presidente da Assembleia Legislativa do Pará (Alepa), Daniel Santos (sem partido).

Grass (foto acima) explicou que conhecia o Hospital apenas por depoimentos de pais de crianças atendidas e pelas notícias; na visita, ele pôde receber detalhes sobre a forma de gestão do HCB. “A motivação é entender o funcionamento do Hospital e poder apoiá-lo dentro da nossa competência do Poder Legislativo. Eu não tinha noção dessa dinâmica organizacional, de gestão, de governança”, disse.

O deputado distrital se interessou, especialmente, pela prestação de contas que o HCB realiza regularmente. “O segredo está aí: o controle, a transparência, o diálogo com a sociedade. Como cidadão, quero agradecer por tudo que vocês fazem pelas crianças, pelo Distrito Federal e pelo Brasil”, afirmou Grass.

O presidente da Alepa, Daniel Santos (foto acima), também conheceu o HCB no mesmo dia, acompanhado do secretário de Saúde de Ananindeua (PA), Paulo Campos. “O Hospital tem uma estrutura excelente e a gente percebe o cuidado com os mínimos detalhes. Pudemos avaliar o índice de satisfação da população com o atendimento, foi uma visita muito positiva e proveitosa”, disse Santos.

O secretário Paulo Campos (foto acima) explicou que há interesse na implantação de um hospital pediátrico em Ananindeua e a visita ao HCB foi uma forma de conhecer outras instituições voltadas a crianças e adolescentes. “Com certeza é uma experiência nova, de condições bem exitosas perante o tratamento de qualidade. A própria questão da gestão, do atendimento de metas é importante”, opinou Campos.

 

Texto e fotos: Maria Clara Oliveira
Edição: Carlos Wilson
Coordenação de Comunicação: Ana Luiza Wenke