O que toca no HCB?

29/06/2015

Durante o tempo que antecede os atendimentos no Hospital da Criança de Brasília José Alencar (HCB), os pacientes costumam se distrair com algum passatempo. Uns gostam de ficar nas brinquedotecas interagindo com outras crianças. Já outros preferem ficar sozinhos, lendo algum livro, usando o celular ou escutando música.

As crianças escutam variados ritmos musicais. Seja sertanejo, pagode ou funk, a música serve para alegrar o dia de cada paciente. Sofia Farias (foto acima), de nove anos, tem como ídolo a cantora Anitta, e o hit ‘Prepara’ é o que ela mais gosta. Além disso, acompanha os passos da mãe, Cátia Farias, e escuta também MPB. “Ela segue um pouco das minhas influências. Como eu ouço essas músicas, ela também gosta”, explica Cátia.

Dentro da playlist das crianças tem espaço para tudo. É o caso de Vinícius Freire (foto acima), 13 anos, que escuta “o que passa. Pop, rock, samba, eletrônica”. Além disso, ele aproveita o tempo que ouve música para se divertir com algum jogo no celular. “Eu gosto mesmo é de jogar. Todo mundo gosta disso”, comenta.

Se vários pacientes escutam música em seus aparelhos eletrônicos, também há quem faça pausas em sua trilha sonora pessoal para ouvir a música que toca no hall do hospital. Karine dos Santos (foto abaixo), 11 anos, conta que uma das coisas que a deixam mais feliz quando vem ao HCB é ouvir o som do piano. “É um instrumento que eu gosto muito”, pontua.

Para aumentar sua relação com o piano, Karine vai começar a frequentar aulas de música. A mãe da menina, Eli dos Santos, garante que a filha está bastante animada. “Eu pensei que seria uma boa atividade para ela, e como ela gosta de música, o resultado vai ser ótimo”, relata

Para o musicoterapeuta do HCB, Cláudio Vinícius, a música é uma ferramenta muito positiva para o desenvolvimento de cada pessoa. “A música é muito poderosa. Ela pode expandir muitos caminhos na mente de cada um, abre possibilidades para que todos evoluam”, conclui.

 

Texto e fotos: Augusto Almeida
Edição: Ana Luiza Wenke
Coordenação de Comunicação: Ana Luiza Wenke