HCB debate segurança do paciente

30/03/2016

O Hospital da Criança de Brasília José Alencar (HCB) realizou, de segunda a quinta-feira (21 a 24/03/16), a II Semana de Segurança do Paciente. O início do evento foi marcado pela presença da superintendente do Instituto Cardiológico do Distrito Federal (ICDF), Núbia Vieira; da coordenadora de qualidade e gestão de risco do Hospital Municipal Dr. José de Carvalho Florence (HMJCF/SP), Christiany Cavalcante; e da farmacêutica do Hospital de Apoio de Brasília (HAB) Alzira Brostel. As três falaram sobre o tema a partir das experiências nos hospitais onde trabalham.

Durante a semana, os integrantes do Núcleo de Segurança do Paciente (NSP) do Hospital foram apresentados aos funcionários. O papel do núcleo é receber as notificações de casos que ofereçam dano ao paciente e cuidar para que os erros não voltem a ocorrer. As notificações não têm função punitiva, mas educativa – o objetivo é que cada funcionário trate os pacientes como gostaria de ser tratado. “É importante pontuar as falhas nos nossos hospitais. A falha tem que ser falada, não omitida”, afirmou Núbia Vieira.

Christiany Cavalcante lembrou que os funcionários não precisam ter receio de avisar sobre erros que possam afetar os pacientes, já que estarão contribuindo para a melhoria do atendimento. “Quando as pessoas não têm medo de contar que alguma coisa deu errado, a gente entende que a instituição vai receber o erro, trabalhar aquilo e corrigir, para que o próximo paciente não venha a sofrer o mesmo dano”, explicou.

Uma das formas de garantir a segurança do paciente, segundo Alzira Brostel, é a padronização dos processos desenvolvidos. Ela falou sobre sua experiência na farmácia do HAB: “A ideia é padronizar os procedimentos de uma maneira segura. Por exemplo, à medida que se padroniza o horário de administração de um medicamento, a equipe não fica na insegurança de administrá-lo de um jeito arbitrário”.

Ao longo da semana, a equipe do NSP seguiu motivando os funcionários a notificar situações que possam prejudicar pacientes.

 

Texto e foto: Maria Clara Oliveira
Edição: Carlos Wilson
Coordenação de Comunicação: Ana Luiza Wenke