Hospital da Criança de Brasília José Alencar

Depoimentos AA
06/07/2018
Desenhando novas histórias

Marco Antônio Pereira tem 17 anos e um sonho: ser mangaká, profissional que cria histórias em quadrinhos e as desenha segundo a tradição japonesa dos mangás. Atendido no Hospital da Criança de Brasília José Alencar (HCB) desde 2013, ele fala sobre sua relação com o mundo dos desenhos.

"Comecei a desenhar há nove anos. Nunca fiz curso de desenho: assisti a alguns vídeos no YouTube e descobri alguns erros, aí fui melhorando.

Eu crio a história completa na minha cabeça para depois desenhar, mas tem coisas que mudam enquanto vou colocando a história no papel. Já tenho 50 histórias, que sei como começam e como acabam; já comecei a desenhar algumas. A que estou desenhando hoje se passa bem no início da Idade Média.

Tem uma que eu demorei muito para criar, definir o motivo das lutas, fazer a personalidade de cada personagem – porque não pode ter todo mundo com a mesma personalidade. É uma história que acontece no Brasil, mas no futuro. Pensei em como mostrar o sofrimento do povo e como os heróis ganharam seus poderes. Já comecei a desenhar a primeira página.

Além de desenhar, gosto de ler mangás; já li “Naruto”, “One Piece” e comecei “Bleach”. Antes, eu nem sabia das histórias que os outros mangakás criavam. De repente, comecei a ler e vi que tinha muita coisa parecida com as minhas histórias, aí tive que mudar.

Eu leio os gibis da Turma da Mônica até hoje. O Maurício de Souza é meu escritor favorito aqui no Brasil – também já vi os desenhos animados dele e gostei. Outros desenhos brasileiros de que gostei foram o “Peixonauta” e o “Historietas Assombradas (para crianças malcriadas)”, que é muito bem feito e tem personagens bem construídos. Mesmo assim, ainda gosto mais de gibis que de desenhos animados.

No Brasil, já tem outros mangakás, muitos são de São Paulo. Sempre que tenho tempo, aproveito para desenhar mais das minhas histórias, quero trabalhar com isso. É muito bom trabalhar com o que se gosta – se você não conseguir fazer o que gosta, não tem graça.”

 

Texto e fotos: Maria Clara Oliveira
Edição: Carlos Wilson
Coordenação de Comunicação: Ana Luiza Wenke

Facebook Google +

Preencha o formulário abaixo para compartilhar este conteúdo por email.

Seu nome*
informe seu nome
Seu email*
email inválido
Nome do destinatário*
informe o destinatário
Email do destinatário*
email inválido

desejo receber novidades sobre o Hospital da Criança de Brasília José Alencar por email

Jovem artista
Jovem artista

 

HCB em números

O Hospital da Criança de Brasília José Alencar (HCB), inaugurado em 23 de novembro de 2011, realizou mais de dois milhões e 875 mil atendimentos (2.875.372) até o final de junho de 2018. Dentre eles, destaca-se a realização de mais de um milhão e 714 mil exames laboratoriais e de 461 mil consultas.


saiba mais ›

Hospital da Criança de Brasília José Alencar

SAIN Lote 4-B
(ao lado do Hospital de Apoio)
Brasília - DF.
CEP 70.071-900
ver no mapa

Contato

61 3025-8350
Fale conosco ›

HCB nas redes sociais

  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Flickr

Intranet HCB

acesso restrito